Informações adicionais:
Anacrônica. Esta a é a linha temporal que se segue desde os primórdios para tentar explicar o mistério que envolve a vida e cada evolução dos seres. De acordo com alguns pensadores, baseados em leis ou mesmo ideais mirabolantes de suas mentes magnificamente brilhantes, somos o futuro. O novo nos aguarda. Somente os únicos capaz de adquirirem a força, podem continuar na linha de sobrevivência. Adaptar-se é o termo correto para denominar a morte dos que são deixados para trás por serem considerados "menos evoluídos". A real face deve apenas definir: você está com aqueles que buscam o mesmo ou pretende fazer a diferença mediante ao que realmente és?

Rawllins, Zenon

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Rawllins, Zenon

Mensagem por Zenon Rawllins em Seg Jun 29, 2015 2:33 am


Zenon

— Nome Completo: Zenon Rawllins;
— Idade: 18 anos;
— Facção Originária: Candor;
— Facção Escolhida: Amity;
— Designição: Veterinário;
— Índole: Boa;
História:


A vergonha de uma família podia ser trocar de facção, por mero gosto diferente. Zenon não era uma exceção. As coisas nunca foram fáceis dentro da casa dos Rawllins, independente do que acontecesse, a culpa sempre caía nas costas do garoto. Naquele dia a casa estava movimentada, a família toda se reuniu para comemorar  a escolha da filha mais velha, ela decidiu permanecer entre os membros da franqueza, mas na cabeça de Zen, tudo não passava de medo. O egoísmo dominava por completo o ambiente. O jovem Rawllins sempre foi uma criança difícil, pelo menos aos olhos dos pais. O gosto peculiar por bondade era uma questão que eles discutiam muito. Na sala de estar apenas o som dos resmungos e desprezo ao garoto que ainda tentava decidir para qual facção ir. No fundo sua mãe sabia o que ele queria e escondia do marido, para que não houvesse uma briga na família. Duvidosamente ou não, Zenon sabia que alguma hora teria que contar a sua verdadeira opção.

O dia chegou. Zenon não estava nem um pouco preparado. O nervosismo consumia seu corpo muito rápido e ele sabia que teria que se acalmar. Estava com um terno preto acompanhado de uma gravata branca e um sapato brilhando, seus olhos se reviravam a medida que caminhava pelas ruas. Aquele tipo de roupa nunca foi a praia do garoto, mas recusar a se vestir de tal maneira daria pinta de sua escolha diferente. O coração acelerado era algo incontrolável. Haviam passado algumas horas até chegar novamente em casa, seu pai o olhou dos pés a cabeça, mas não dirigiu a palavra ao menino, simplesmente acenou com a cabeça permitindo que o mesmo fosse para o quarto. Zen havia se deitado na cama, estava pensativo.

A escolha através do sangue. Uma cerimônia. Quando este dia chegou, apenas o som do silêncio se encontrava no lugar. Quando sua vez chegou, seus olhos tentavam se acalmar, ficavam olhando de um lado para o outro tentando se concentrarem e se focarem em alguma coisa. "Meu coração está dizendo o certo." Pensou com os olhos fechados enquanto pingava uma gota do seu próprio sangue na escolha para amizade. Seu coração se acelerou e virou-se de costas observando o enorme público que havia no lugar. O olhar decepcionado da irmã, a expressão de ódio do pai e o choro baixo da mãe deixaram o menino sem nada para se apoiar. Em seu rosto um sorriso quebrado ao meio, não conseguia ficar feliz ou triste, sua decisão foi tomada.

Quando começou sua nova vida em amity, sabia que tudo melhoraria. Seu coração bondoso era sua melhor arma para se manter ali dentro. Amigos eram o que não faltavam, embora Zenon tivesse dificuldade para fazer, isso não era um problema. Quando finalmente se estabilizou no lugar ficou com a profissão de veterinário, tinha uma paixão secreta por animais e cuidar deles era como se fosse uma terapia para acalmar o coração.

Cerca de dois anos se passaram quando um ingênuo jovem entrou na facção. Ele estava meio perdido e precisa de algum tipo de amparo e Zen foi uma das melhores opções para acompanhar o garoto até sua estabilização dentro da amity. O nome do rapaz era Mackenzie e tem cerca de dezesseis anos. Ambos se tornaram ótimos amigos por conviverem muito tempo junto. Possuem um laço forte e inquebrável. As pessoas até acham estranho a maneira como os dois se ajudam e se apoiam.


Características Psicológicas:


A bondade pode ser tão ruim em alguns momentos. Zenon é dono de um coração enorme, consegue ter compaixão com a pior pessoa do mundo, talvez esse seja seu problema. Ingênuo e bastante inocente, é manipulado facilmente pelas pessoas, suas escolhas condizem com o que acha estar certo e as vezes, nem sempre é bom. Caracterizado por ser simpático, Zen é um rapaz dócil e pouco estressado, geralmente está sorrindo para as paredes, consegue deixar uma pessoa feliz com palavras confortáveis. Existem pessoas que dizem que ele é um fofo, talvez por gostar de abraçar as pessoas que realmente gosta, uma mania. Inteligente e tímido, uma combinação normal.  


Fair.



Atributos:

— Bondade;
— Simpatia;
Pertences:

— Óculos de grau por deficiência visual;
— Colar com o símbolo da paz;
— Pulseira leve feita de madeira;
— Foto com a imagem dos pais e da irmã;
— Urso de pelúcia, presente de sua falecida avó;

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rawllins, Zenon

Mensagem por Divergent em Seg Jun 29, 2015 5:46 pm


Seja Bem-Vindo
Ao Divergente;


Realmente, um pouco difícil tomar esta decisão com tanta sabedoria, e mesmo havendo uma grande rivalidade entre os membros de ambas facções você a escolheu. A culpa deve ter lhe tomado ao peito, eu sei, porém não se espante, sua família o ama e sempre estará ao seu lado, pelo menos é o que todos nós esperamos um dia, não é mesmo?
Por fim, parabéns por sua opção, tornará um grande membro, com grandes objetivos. Compaixão é bom, mas há muita crueldade no mundo. Cuidado!


Aprovado.
Entities
avatar
Entities

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum